sábado, 24 de dezembro de 2011

Entao é Natal

É. O Natal chegou. Hoje nao vou criticar nada nem ninguém.rs...Feliz Natal a todos amigos e seguidores...

domingo, 20 de novembro de 2011

Sera que realmente era amor?

Veja como sao as coisas.Pessoas que ontem faziam de tudo pra te ter na vida delas por muito tempo e te juravam amor eterno, hoje mal lhe dao um oi.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Já percebeu que todas as pessoas que ontem diziam te amar hoje nem olham na sua cara?
E todas as frases são apenas frases.Não existe mais aquele sentimento...Principalmente por "amigos" que ontem te amavam e hoje nem perguntam como voce tá. Isso me chateia, porém são nesses momentos que temos certeza de quem é de fé e vai lutar junto de nós até o fim.

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

PROTESTO

É tanta coisa errada que a gente ve.e mesmo que a gente acredite que vai mudar, é ruin ver que somos poucos e não temos união para derrubar os de cima.
São tantas impunidades que as pessoas já se acostumaram.O medo possui, e é triste.Ninguém ajuda alguém que ta sendo espancado na rua, cade a humanidade?
É gente falando de Deus pra ganhar dinheiro, gente falando que vai ajudar crianças pobres pra ganhar também.E cade? nunca muda, é sempre a mesma história com diferentes personagens.e o trabalhador? e as pessoas de bem? por que elas nao tem oportunidades? "Porque é mais forte quem sabe mentir?". É tanta politicalha, tanta gente querendo nos passar pra trás que as vezes da até vontade de sumir, ir pra um outro planeta, parar o mundo pra descer...
Não podemos ficar a vida inteira escravizados por essa corja de "covardes, estupradores e ladrões". temos que nos unir e tentar reverter essa situação porque "QUANDO OS DE BAIXO SE MOVEM OS DE CIMA CAEM"

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Renato Manfredini Júnior


Nada me atinge do jeito que a morte do Júnior me atingiu.
As letras,a performance,os pensamentos.tudo,tudo nele me faz sentir saudade daquilo tudo que nao tive a oportunidade de vivenciar.
Embora eu saiba que apenas o corpo se foi, é impossivel nao chorar no dia 11 de outubro.e é uma ferida que o tempo nunca vai curar...
Voce se foi e agora so me resta sentir a falta que tua ausencia deixou...a respiracao cedeu lugar ao Mito.

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

os bons morrem jovens

Com uma notícia muito triste que li pela manhã, venho tentar passar um pouco de minha dor e admiração por esse cara...Redson, essa é pra voce.

Embora eu não conhecesse a obra da banda por inteira, algumas musicas que eu ouvia eu me identificava demais.Uma mente tão brilhante e insatisfeita com o mundo injusto em que vivemos, deixou um legado enorme de coisas para questionarmos...
Na manhã de hoje li a notícia de que o vocalista da banda de punk rock, cólera, uma das maiores do estilo no país faleceu. Me senti muito mal, ali era o grito da insatisfação...
Ainda me lembro que minha prmeira roda punk foi ao som dessa banda, daí em diante me apaixonei por pogar...
"é tão estranho, os bons morrem antes"...

eu vou fazer por ele o que ele fez por mim.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

ninguem muda por inteiro

Vamos, levante.Sei que ai dentro ainda existe aquela força que conheci.
Acredite, por mais que a gente mude, nossa excencia continua a mesma.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Conversa

Pras pessoas de baixo calão eu deixo meu silencio como resposta.

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

uma noite pra esquecer

Meus pesadelos me assombram.

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Sonhos

Meus sonhos me fazem acreditar que coisas do passado voltarão a se tornar reais.Quem dera um dia poder conquistar tudo de novo.

terça-feira, 6 de setembro de 2011

De volta pra casa

Te escrevo pra matar a saudade,
choro por já nao poder te ver
mando lhe cartas por ser o único meio de contato.

Lhe conto novidades pra sair da rotina do apenas:
tudo bem?

Escrevo - te com sorriso nos lábios
e água nos olhos.
faço - te esse poema pela distancia que nos separa e fortalece o amor que nos une.

Coloco nesse papel a tinta da caneta
que escreve pra voce me esperar porque já to voltando.

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Quase Sem Querer

Nao tenho postado porque.

"Tenho andado distraído"

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Preciso de um livro,
mas não um livro qualquer.
Preciso de um livro que tenha as respostas
para as minhas perguntas.

Meu corpo necessita de uma leitura
que preencha meu vazio.
Minhas cabeça está cheia de dúvidas.
Minhas alma necessita de ajuda,
mas ninguém me entende.

Amigos?
Os que se diziam me abandonaram.
Preciso de algum remédio que me de alegria.

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Desculpas

Perdoem minha desatenção.O show já é mes que vem e eu estou na maior correria, por isso não tenho postado nada novo.
Mas em breve voltarei

quarta-feira, 1 de junho de 2011




Escrevo para soltar meus demonios,
as palavras me ajudam na recomposição do meu ser.

terça-feira, 10 de maio de 2011

Cidade Maldita

É preciso escrever,
mas pra isso preciso de inspiração
E como vou me inspirar se nada acontece?

Falar de desgraças igual o noticiário da tv?
prefiro calar-me e escrever quando for pra falar de coisas boas.

Diversão?
aqui só acontece quando amigos se reunem,
o que é raro.

Essa cidade precisa de algo,
não apenas de políticos fazendo politicalha.

Acho que em outros cantos do país
as pessoas também se sentem assim,
mas creio que lá é bem melhor.

quinta-feira, 21 de abril de 2011

E o vento vai levando tudo embora



As vezes aquele tempo que passou
vem na memória, e o coração novamente se enche de angústia.
Brincadeiras de infancia,
amigos de escola que hoje são meros conhecidos fazem falta.

É triste lembrar que
melhores amigos hoje em dia mal se falam,
que pessoas que tu era super intimo
nem se lembra que voce existiu.

Saber que apenas as lembranças ficaram
faz chorar.
Nem fotografias sobraram.


Porém, "Me dá saudade lembrar
de tudo auqilo que eu não vou ver mais"
Embora eu saiba que vai ser eterno.

sábado, 2 de abril de 2011

Cazuza

Ontem teve portinho bohemio (shows que acontecem todo início de mes), e eu sabendo de quem se tratava,fui lá prestigiar, na minha mente apenas uma banda interpretando as músicas do Cazuza.Porém, quando o show começou eu vi que não era apenas uma banda, era o cara, ali na minha frente.Nunca vi um cover tão identico, voz, figurino, língua presa, jeito de lhe dar com o público, interpretação...Que cover perfeito, só pecou ao dizer "Pisciano é assim...", Caju era Ariano...e também pelo fato de eu ficar me esgoelando pedindo pra ele tocar "Quando eu estiver cantando" e ele talvez por não saber cantar, ou não ter ensaiado fingiu não me ouvir...Mas tudo bem, o show valeu por essa "gafe".
Mas porra, rolou coisas que eu não esperava, como "Down em mim" e "Ponto fraco"...delirei.
Quando pedi "Faz parte do meu show" ele cantou "Te pego na faculdade"...e parou.
No fim tiramos foto e tudo...falei com o cara, moh legal...

quinta-feira, 10 de março de 2011

Promessas não cumpridas

As vezes acreditamos em tudo que ouvimos e por isso nos calamos perante alguma situação desagradável.
Eu sou diferente, eu acredito no que acontece, não no que está por vir.Acredito no amor e na vontade de mudar.

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Quero um milhão de amigos ♫

Ontem foi a saída mais foda de todas.Estávamos eu e Alda sentados no malibu, daí uma galerinha tava tocando "Quase sem querer", eu ia lá e talz, mas depois começaram a tocar "ôh milla, num sei oq num sei que lá...".Depois a guriazinha (Leonora) começa a tocar "Não tinha medo o tal João de Santo Cristo...".
Um carinha chegou lá e pediu pra ela tocar "Pais e filhos", me aproximei e ficamos lá cantando e tudo.O cara foi embora, sentamos no chão e ficamos lá, o resto da noite tocando e cantando e se conhecendo.
Pedi o violão e começei a tocar "Será", e ficamos tocando Paralamas, Detonautas, Capital, Mamonas, Pitty.Eu toquei todas essas músicas, mas no meio sempre me perdia e deixava o pessoal na vontade (Eu nunca lembro os acordes todos de uma música).
A essa hora, o mineiro (Guilherme) ja tava lá também, mas não sei se ele já estava ou se chegou depois.
Depois Leonora pede pra ouvirmos uma musiquinha de sua autoria...acreditem, a guria tem talento, é foda.
Chegou um carinha lá que ficou tocando O Rappa também e pá.Uma louca do nada gritava pra tocar num sei o que e tudo.
Tocamos Cassia Eller também.
Por fim pegamos o msn do pessoal (é bom manter contato com pessoas assim), e viemos embora.
Mas porra, valeu a pena cada minuto junto daquela galera.

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Tarde Qualquer

Estava sentado na praça, daí uma pá de senhoras católicas estavam em circulo cantando uma musica que era basicamente:"Maria,rogue por nós, perdoe nossos pecados e num sei o que..."
Daí me emputeci de ouvir aquilo se repetir tantas vezes e escrevi.

"Meus segredos
foram expostos,
assim como a ferida
que o tempo não curou

Não rogue por nós,
pois somos pecadores
e devemos pagar
por nossos fracassos."


É, eu me emputeço a toa, e sempre sou contrário as coisas.Foi o que saiu,espero que curtam.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

FESTA PUNK

Ontem o show na casa dos 500 anos foi super massa.Tirando o atraso de mais de 3 horas do horário previsto pra se iniciar, as bandas que tocaram vieram com força total.
Primeiro foi o pride hc, uma banda meio punk e talz, que começou com um repertório muito loko, com o vocalista botando a filha de uns 5 anos pra cantar, e a roda comendo, e eu lá no meio.Depois vieram umas outras bandas lá também que agitou o público, e novamente a roda comendo, e eu inalando poeira e talz (fizaram a roda na areia) mas tudo bem rock and roll.
Na hora que o Solstício começou com aquele hard core, eu quase morri de falta de ar, de tanto ficar pogando, saí de lá todo suado, fedeeendo.
O mais legal de um show de rock, um show underground em si, é ver isso,todo mundo cantando, pogando, se "batendo", e no fim das músicas desconhecidos se abraçando e tudo.Isso mostra(pelo menos a quem presencia a cena, é mente aberta) que o nosso ideal nas rodas não é brigar, se bater de verdade, e sim dançar, se divertir ,e que quando alguém cai no chão o pessoal levanta e tudo, na maior camaradagem.
Isso é PUNK...Isso é UNDERGROUND
e eu e todos os que comparecem nesses shows, fazemos o UNDERGROUND.
NÓS SOMOS O UNDERGROUND.

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Faroeste

E tudo volta da mesma forma que terminou,
na cabeça existe lembrança
e no coração fica a saudade
a primeira pode ser boa ou ruín,
a segunda já é uma outra coisa.

Acho que realmente havia uma necessidade,
uma força maior,
abstinência de conforto e atençao.

"Cansado de tentar achar resposta"
João foi pra Brasília, cidade linda.
Mas por dentro ainda sentia aquele vazio que o fez sair de Salvador
e procurar um outro caminho.

"Um dia desses, nesses encontros casuais",
andando pelas ruas do Distrito,
"Conheceu uma menina e de todos seus pecados ele se arrependeu.
Maria Lúcia era uma menina linda e o coração dele pra ela o Santo Cristo prometeu"

Então Maria Lúcia e João se casam
Maria Lucia, menina falsa
pra quem João jurou seu amor,
o trai com Jeremias,
um "maconheiro sem vergonha"

João Roberto, como era o maioral
marca um duelo com o Jeremias, o filho da puta
e dá cinco tiros no bandido traidor...

E após Johnny marcar um pega,
e morrer por vontade próopria num acidente de carro
Maria Lúcia se arrepende e decide pagar por seus pecados
atirando contra a própria cabeça
com a Winchester de João.

domingo, 6 de fevereiro de 2011

Estigmas indeléveis

Mesmo sabendo que aquele amor não era meu ...
eu me afundei no seu olhar
mesmo fingindo que nao doeu
o tempo ainda nao virou borracha

e quis me atirar em um imenso universo
mesmo sabendo que não pousaria em lugar algum.
e tentei fazer com que o sofrimento acabasse
mas vi que nao seria facil assim

sobretudo, desejei não ter calado as palavras
de todas as frases, só restaram escombros
dos quais hoje faço esconderijo
e mergulho num mundo que é só meu
e me desfaço dos seus sorrisos e afagos.

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Tangará

Imaginem um Tangará lotado, como de praxe.E dois loucos acompanhando um celular que cantava "Me abrace e me de um beijo, faça um filho comigo..."
Aconteceu ontem, todos olhando pra minha cara e pra cara de um carinha que aparentava ter uns 30 e pouco, destendado e talz.E nós lá, cantando que "A minha alma tá armada e apontada para a cara do sossego"...

sábado, 29 de janeiro de 2011

Hipócritas

Pessoas ignorantes merecem o lugar que ocupam.

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Palavras

Dizer "Eu Te Amo" é tão fácil, quando na verdade eu preciso que me provem.

domingo, 23 de janeiro de 2011

Resumo do FDS

Enquanto do outro lado da cidade tava rolando o Cabo Folixo (o nome real é cabo folia), eu e meus amigos fomos dar uma volta no "famoso" malibu.Como de praxe, encontramos velhos amigos e tudo.Fomos lanchar e voltamos pro mesmo local, encontramos uma conhecida de Daniel, falamos com ela e fomos andar.Quando estávamos indo pra casa, novamente encontramos essa menina e ela nos leva até uma tenda gay,sei lá que merda era aquela.Só sei que era uma "FESTA ESTRANHA COM GENTE ESQUISITA".Puta que Pariu aquilo é a coisa mais nojenta do mundo (não que eu tenha nojo de pessoas que fizeram esse tipo de escolha, muito pelo contrário."EU TENHO AMIGO GAY").Mas o ato em si, eu particularmente não acho legal de ver.Guris de 17/18 anos se agarrando, meninas se beijando e pá.O mais horrivel de tudo foi ver dois caras se agarrando e uma menina chegando por tras do pescoço de um e dar um chupão...Acreditem, eu quase vomitei.Fiquei o máximo que pude ali, no máximo 10 minutos, e detalhe, estávamos do lado de fora da parada.
Quando chegamos até a casa do mudo,fui dormir,pois no dia seguinte eu teria de acordar cedo.
Era sete da manhã quando o celular desperta, levantei era 07:26,um minuto depois mudo me joga um benjamim e diz que já é 07:30 (que forma boa de ser acordado, nao?).Me arrumei e vim pro ponto (afinal era 07:30 e eu ainda tinha de ir em casa me arrumar pra vir trampar as 10).
Chegando em casa coloco a pá do meu cel novinho no pc, e do nada a merda da pau.Eu fikei muito puto, mas amanha vou lá trocar...
Por fim, esse foi meu fim de semana, "SEMPRE MAIS DO MESMO".Pelo menos eu estreiei minha camisa do AE...pena que as fotos tiradas foram embora junto do pau que o cel deu.

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Eu chorei

É tão estranho saber que ontem foi aniversário dela, e ela não estava aqui pra eu poder abraça-la como nos anos anteriores.
Me dá uma saudade imensa.Acho que de todos, eu sou o que sinto mais falta da minha querida vó.Logico, que meu avô, meu pai, meus tios e todos os familiares sofreram com a perda.Mas acredito que até hoje, se alguém realmente sente uma dor tamanha pela ausencia dela esse alguém sou eu e meu avô.
Não achei que seria tão difícil aceitar a conviver com essa dor que já vai pra um ano.Mas não dá pra entender que aquela pessoa que é tua segunda mãe se foi.
Eu sei que hoje ela está num lugar melhor do que nós, e que está perto de Deus.Porém ainda dói lembrar.
Tem dias que eu sonho que ela ainda está viva.Se eu num tivesse visto aquela cena horrível, eu não acreditaria até hoje...
O que me conforta é saber que um dia nos encontraremos novamente e que ela está protegiada por Deus e seus anjos.

sábado, 15 de janeiro de 2011

"Jeremias, eu sou homem, coisa que voce não é.E não atiro pelas costas não"

É estranho como as coisas acontecem assim tão derrepente.Estou eu fazendo meu trabalho, quando vejo uma cliente vendo um video de "Faroeste Caboclo".Como bom Legionário que sou, coloquei a música aqui no meu pc para ouvir e chamar a atenção da guria.Ela vem até mim, e começamos a trocar figurinhas.
Moradora de Brasília como é, Beatriz disse que estuda em frente ao Espaço Cultural Renato Russo, e que o próprio Espaço foi construído no dia 13 de novembro de 1993,dia de seu nascimento.
O mais impressionante foi saber que o pai dela conhece "O Jeremias maconheiro, sem vergonha".O próprio que o Renato cita na música.
Lá em Brasília ele tem um bar chamado "batatas..." alguma coisa que não me recordo o nome...
É impressionante o poder que a Legião tem de unir pessoas, não só por uma vez, mas pra vida.Tenho a impressão que nossa amizade ficará selada pra sempre.

domingo, 2 de janeiro de 2011

Reveillon

A ultima noite de 2010 foi marcada por coisas...estranhas.Uma multidão de branco e eu lá com minha pequena, eu de camisa preta escrita "Pela Paz" e ela de camisa preta.
Onze e Meia encontramos a gurizada...daí a festa começou.Tomei uns goles de champagne.
Não lembro exatamente o horário, mas sei que antes da meia noite tava eu e mais uma multidão cantando "Deixa a vida me levar, vida leva eu"...descemos pra areia, as 23:59:30 começa a contagem regressiva...30 segundos depois o novo ano se inicia,os fogos no céu,eu beijo minha namorada, abraço meus amigos, tomo banho de champagne.
As meia noite e pouca do dia 1º de janeiro de 2011, eu me encontro sem camisa cantando e dançando axé...tenso, mas divertido.Trocando a letra de "natirruts reggae power chegou" por "red hot chilli peppers chegou"...O resto da zuação eu deixo por conta da imaginação de voces...
É, minha primeira noite do ano não poderia ter sido melhor.